Belmonte

Belmonte, como seu nome indica, fica no topo de um monte que é belo! Passear pelas suas ruas e pelo seu castelo é passear pelo passado, pela terra do grande navegador Pedro Álvares Cabral. Ali fica a igreja romano-gótica dedicada a S. Tiago, onde hoje funciona um polo do Caminho de Santiago e, numa capela anexa à igreja, fica o panteão dos Cabrais, embora os restos mortais do navegador estejam em Santarém.

A torre Centum Celas é rodeada de lendas e histórias! Chega até nós em ruinas, pensando-se ser de origem romana, construída lá pelo séc. I. Diz a lenda que o edifício já foi uma prisão com um cento de celas e que daí virá o seu nome e de onde virá o seu segundo nome também, “Torre de São Cornélio” pois o dito santo poderá ter estado cativo lá… Mas a história e as buscas arqueológicas levam mais para que seja a torre sobrevivente de uma vila ali existente. Os vestígios das explorações arqueológicas continuam por ali e o ambiente permanece misterioso. Uma pena que o local não tenha sido mantido isolado, sem casas, nem campos de cultivo ao lado, com os utensílios encostados à cerca, demasiado próxima e “perturbadora” do recanto de passado que ali se mantem!

Anúncios

One thought on “Belmonte

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s